Data center submarino da Microsoft observa vida subaquática

Data center submarino da Microsoft observa vida subaquática

A Microsoft anunciou em junho que seu centro de dados no mar entrou em ação. Agora, a empresa executa transmissões ao vivo para as condições ambientais serem analisadas fora do mar.

As câmeras e o data center fazem parte do Projeto Natick, que investiga a fabricação e operação de unidades de data center ambientalmente sustentáveis e pré-montadas que podem ser solicitadas para dimensionar o fundo do mar por anos. Eles não precisam de água para resfriamento ou qualquer outra finalidade. Além das câmeras, todos os data centers da Natick são feitos de material reciclado, que é reutilizado no final da vida útil do data center.

O data center subaquático da Escócia compreende 12 racks contendo 864 serviços padrões de data center da Microsoft e 27,6 petabytes de disco. A Microsoft diz que o data center Natick é tão poderoso quanto milhares de PCs de consumo de última geração.

A Microsoft acrescenta que mais da metade da população mundial vive a aproximadamente 193 km da costa. Ao alojar centros de dados perto de cidades costeiras, os dados só precisam percorrer distâncias curtas, o que gera melhor navegação na internet, streaming de vídeo e jogos, assim como novas oportunidades para a IA.

Confira algumas fotos do centro de dados submarino abaixo:

Fonte: DataCentre News

Gostou desta notícia, compartilhe!

Cadastre-se na nossa newsletter